* 02 dia – Roteiro Madrid 2 dias

No segundo dia em Madrid, acordamos com um friozinho gostoso entrando pela janela! Clima de romance no ar, deu nem vontade de levantar! (rs) 10 graus lá fora e passava das 09:00 da manhã. Criamos coragem e saímos para mais um dia desbravando aquela linda cidade.

Bem perto do hotel tinha uma galeria com vários restaurantes e alguns cafés, os que estavam abertos, estavam lotados. Decidimos tomar café da manhã na McDonald’s, depois do café da manhã saudável (rs) partimos em direção ao metrô.

Fomos a caminho do Santiago Bernabeu  (estádio do Real Madrid). Não demos sorte para futebol nessa temporada na Europa, em todos os países que passamos não coincidiu nenhuma data de jogos com a nossa estadia. Como queríamos conhecer o estádio, optamos em realizar visita pela manhã, por acreditar que havia menos turistas.

O estádio é bem grande, moderno e bonito. Com capacidade para 88 mil pessoas é uma programação imperdível para fans do esporte. A visita guiada é bem legal! Começa com uma visão panorâmica do campo, lá do alto das arquibancadas, passando por vários locais do estádio, como a sala de imprensa, vestiários, sala de troféus, um mini museu com histórias do clube, banco de reservas, etc. A visita durou cerca de uma hora e meia, duas horas.

20130912_072359 20130912_073404 20130912_075258 20130912_081417 20130912_082121 20130912_075738

Saindo do Santiago, fomos de metrô para o Museu Reina Sofia. www.museoreinasofia.es descemos em frente a estação Atocha que já é uma atração a parte, tiramos algumas fotos e fomos para o museu.

Optamos por não visitar a estação, que é a mais importante de Madrid e conta com um jardim interno bem bonito, estávamos sem muito tempo e queríamos dedicar um bom tempo as obras do museu.

Em frente a estação Atocha

Museo-Nacional-Centro-de-Arte-Reina-Sofía-4

O museu é dedicado as artes do século 20 e 21 e conta com um acervo de obras que vão de Picasso a Salvador Dali, passando por Joan Miró e outros artistas. O museu é moderno, com elevadores panorâmicos, salas brancas e decoração sóbria, dando maior destaque para as artes modernas e contemporâneas expostas.

As fotos não ficaram muito legais, selecionei as menos ruim (rs):

20130912_093304 20130912_094403 20130912_094503 20130912_095002

A obra mais visitada é a “Guercina” de Picasso, Medindo 350 por 782 cm, a obra cubista representa o bombardeio sofrido pela cidade espanhola de Guercina, por aviões Alemães no ano de 1937. Além da obra em si, é possível ver todo processo de criação do pintor através de seus rascunhos antes de chegar no projeto final.

guernica

Passamos muito tempo observando tudo, seguimos para a área externa que contava com um jardim bem arborizado e agradável. Além do clima, o jardim era cercados de esculturas, entre elas uma de Miró e uma de Calder. Sentamos em um banquinho e ficamos descansando um pouco. Seguimos para o restaurante/café, tomamos um cafezinho e nos despedimos do Reina Sofia com vontade de voltar.

De metrô chegamos a Plaza de Toros de La venta. Sabíamos que não era dia de touradas, e apesar de ser contra as touradas, valeu a visita ao local por fazer parte da cultura espanhola. Queríamos conhecer o bairro e almoçar por lá em algum restaurante típico.

Almoçamos umas 5 horas da tarde, o restaurante estava praticamente vazio. Valeu a experiência e a comida estava bem gostosa.

20130912_110943 20130912_111513 20130912_124102

Depois de almoçarmos/jantarmos, fomos para o Hotel e dormimos umas 2 horas. Acordamos às 21:00 e nos arrumamos para sair, fomos de metrô para a Boate Teatro Kapital.

Como estava cedo para balada, fomos andando pela rua e antes de chegar na boate encontramos um barzinho/pub/cibercafe (kkkkkk) não sei direito o que realmente era, em uma rua com vários bares. O bar que escolhemos era muito badalado, cheio de jovens, com um dj e o melhor… todas as tapas e drinks custavam 1 euro até meia noite.

No começo ficamos um pouco receosos com relação a qualidade por causa do preço baixo, mas já no primeiro drink e primeiro prato, o receio foi embora. Estava tudo delicioso e muito bem preparado, jantamos e bebericamos por ali mesmo. Comemos umas 5 tapas, bebi 01 sex on the beach, 01 cosmopolitan, 01 drink azul que não sei o nome (rs) e 02 Kir Royal, meu marido tomou umas 4 taças de vinho, e nossa conta deu apenas € 14,00.

De meia noite fomos para a boate, quando chegamos na entrada a fila estava enooooorme e ficamos quase 30 minutos esperando para entrar, por meu marido teríamos ido embora, eu estava determinada a entrar.

Entramos! O recepcionista do hotel tinha nos dado um flyer que ficava 15 euros a entrada + 2 drinks. Fomos no bar compramos 2 wiskys e o Red Bull era acompanhamento, não precisava pagar a mais. #quebom! #viajantematuta 😀

A boate estava um pouco vazia e aproveitamos para conhecer todos os ambientes. Quando voltamos a pista de dança principal, acho que umas 2 da manhã, o negócio já estava fervendo…

A Teatro Kapital conta com 07 andares de pura diversão. O térreo tem a estrutura de teatro, com 03 andares de camarotes com varandas que dão de encontro a pista de dança, se os camarotes não tiverem ocupados, qualquer pessoa pode entrar. Pelo menos foi essa impressão que tive! kkkkkk

A boate costuma exagerar nos atrativos da pista de dança, como confetis, bolas gigantes, bolhas de sabão, etc. os espanhóis adoram estes efeitos visuais. A pista principal tem um teto super alto e costuma ficar um pouco quente quando lotada, o calor é remediado pelo jato de ar branco e frio que vem do alto, esfriando as cabeças e acordando os menos animados.

Cada ambiente tem sua música, é como estar em sete festas diferentes em um mesmo lugar. A acústica do local é muito boa e o som de um não atrapalha o outro. Nos divertimos muito, regados a Whisky e Red Bull, a noite foi pequena para tanta animação e música boa. Vale a pena a visita!

20130912_202323

Teatro Kapital 1

Fiz um vídeo grande lá dentro, tentei mostrar aqui apenas um pequeno pedaço. Como não tenho editor de vídeo aqui, resolvi testar um pela internet. O vídeo esta com a linha d’agua do editor que usei. Mas dá para ter uma ideia da animação! (rs)

 

Saímos da boate era quase 5 e meia da manhã, pegamos um taxi para o hotel (o metro funciona até às 02:00 da manhã). Dormimos até às 13:00 e já estava na hora de fazermos o check out e partimos para o aeroporto.

Se não tivéssemos ido para a balada a noite, tínhamos programado de ir ao outlet Las Rozas Village. http://www.lasrozasvillage.com/ fazer umas comprimas. O outlet fica a 40 minutos de Madrid, e dizem que é um dos outlets mais baratos da Europa.

Não me arrependo de ter chegado tarde da balada e não ter ido fazer compras. Em todas as minhas viagens as compras são a última opção. Prefiro sentar em um bar/café/restaurante, ver a vida passar, ver os costumes do local e se tiver um tempinho sobrando vou fazer minhas comprinhas.

Espero que tenham gostado! Adorei conhecer Madrid e espero voltar com mais tempo para aproveitar todo agito e beleza que a cidade pode nos proporcionar.

*** Fiz o post escutando

 

 

 

 

 

 

 

 

Anúncios

Um comentário sobre “* 02 dia – Roteiro Madrid 2 dias

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s